Acha que ERP não importa para você? Veja porque importa, e muito

Para atender seus clientes, uma empresa precisa controlar o estoque de seus produtos, encomendá-los quando necessário a seus fornecedores, agendar serviços, quitas suas despesas em dia, monitorar o pagamento de seus clientes, emitir documentos fiscais e cumprir várias obrigações definidas pela legislação. Quanto maior a empresa, mais desafiador é fazer tudo isso de forma rápida e certa.

É aí que o ERP entra em cena. Também chamado de sistema de gestão no Brasil, ele não apenas controla todos estes fatores como ajuda na hora de tomar decisões. Qual produto estou vendendo mais e qual fica mais tempo encalhado no meu estoque? Quais clientes costumam atrasar pagamentos? De quanto em quanto tempo preciso renovar meu estoque para não ficar sem um produto que vende muito? Como estará meu caixa no próximo mês, depois de pagar e receber tudo o que tenho previsto?

Além de organizar o dia-a-dia da empresa e ajudar na tomada de decisão, o ERP também é a base para qualquer projeto do seu negócio. Quer montar uma loja virtual? Quer ter vendedores externos? Quer fazer alguma parceria com outra empresa? Tudo isso passa pelo ERP para controle de preços, estoque, serviços, emissão de documentos e tantas outras tarefas.

Como se isso já não fosse suficiente, o ERP ainda faz todas estas atividades de forma integrada, usando as informações disponíveis em cada parte do seu negócio para levar você e sua empresa pelo melhor caminho possível ao facilitar seu planejamento.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

×

WhatsApp

×